Dr. Demeure I

[O Céu e o Inferno – Espíritos Felizes]

Dr. Demeure – 1 de fevereiro de 1865

docteur_antoine_demeure“Meu bom amigo: tende coragem e confiança em nós, porquanto essa crise, apesar de ser fatigante e dolorosa, não será longa, e, com os conselhos prescritos, podereis, conforme desejais, completar a obra que vos propusestes como fito da vossa existência.

Sou eu quem aqui está, perto de vós, e com o Espírito de Verdade que me permite falar em seu nome, por ser eu dos vossos amigos o mais recentemente desencarnado.
É como se me fizessem as honras da recepção.

Caro mestre: quanto me sinto feliz por ter desencarnado a tempo de estar com esses amigos neste momento! mais cedo livre, eu poderia talvez ter-vos poupado essa crise que não previa. Era muito recente o meu desprendimento para ocupar-me de outras coisas que não as espirituais; mas agora velarei por vós, caro mestre.

Aqui estou para, feliz como Espírito, ao vosso lado, prestar os meus serviços.

Conheceis o provérbio: ‘ajuda-te, o céu te ajudará’.
Pois bem, ajudai os bons Espíritos que vos assistem, conformando-vos com as suas prescrições.

Está muito quente aqui: esta fumaça é irritante.
Enquanto estiverdes doente, convém não fazer lume, a fim de não aumentar a vossa opressão. Os gases que aí se desprendem são deletérios.

Vosso amigo
Demeure.”

dbl2_videira

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s