21-Nosso Pai

* Referência: Capítulos do Livro Justiça Divina – Chico Xavier/Emmanuel (FEB).
Objetivo: estudo de questões do livro O Céu e o Inferno (CI) de Allan Kardec.
Roteiro: Meditação – Leitura da Questão – Curiosidades.
(Meditação sobre o capítulo 21-Pai)
Reunião pública de 14-4-61
CI – 1a Parte – Cap. VI – Item 4.

21-DEUS É JUSTO— Eu perdôo, mas Deus é justo!

Já viram esta expressão?
Ela é muito comum em quem está iniciando o trabalho de evangelizar-se.

De um lado, há o impulso de relevar a ofensa recebida, a injustiça sofrida.
Mas a expressão está cheia de sede de justiça, quase de vingança.

Se considerarmos que perdoar é convite  a doar-se por inteiro, é não só desculpar mas também ser capaz de não mais ficar ressentido com a pessoa e com o ocorrido, fica claro que o perdão ainda não ocorreu.

21-Deus bomA Inteligência Divina irá saciar esta sede de justiça, conforme Jesus anuncia nas Bem-aventuranças.

Mas, não podemos esquecer, nem mesmo o nosso ofensor está fora do Amor Divino.

Como filho que erra, Deus não irá abandoná-lo nem o condenará a um suplício eterno.

Lança mais profundo olhar naqueles que te ofenderam, conforme acreditas, e compara as tuas vantagens com as deles.” — convida-nos Emmanuel.

Eles podem ser poderosos, podem ser mais fortes, mais violentos, maior autoridade, mais dinheiro … Mas tudo isso nos foi emprestado pelo Divino Senhor, a quem prestaremos contas dos talentos multiplicados em compaixão e auxílio.

21-EnganosQuem trai confianças, cai em pavorosos enganos.
Quem humilha, traça a sombra do remorso que enegrecerá boa parte do caminho no futuro.

Quem destrói ideais, desacredita de si mesmo.
Quem  espalha ingratidão, prepara a colheita da agressividade feroz e ensandecida.

Não é possível que a luz do Universo apenas te ampare, desprezando-os a eles que se encontram à margem de sofrimento maior.” — observa Emmanuel.

Pa21-jesus orandociência e compreensão são exercícios necessários para nossa real evangelização.
Trazem bênçãos não só a quem nos ofende, mas, principalmente, abençoa nossa paz.

Quem te feriu é teu irmão em Cristo, filho do mesmo Criador. Misericórdia para ele, então!

É por isso que Jesus, em nos ensinando a orar, revelou Deus como sendo o amor de todo amor, afirmando, simples: ‘Pai nosso, que estás nos céus…’ ”  (Emmanuel)

==&==

Leitura da Questão: O Céu e o Inferno (CI)
Primeira Parte – Doutrina
CAPÍTULO VI – DOUTRINA DA PENAS ETERNAS

A doutrina das penas eternas fez sua época

4. À medida que o Espírito se desenvolvia, o véu material ia-se-lhe dissipando pouco a pouco, e os homens habilitavam-se a compreender as coisas espirituais. Mas isso não aconteceu senão lenta e gradualmente. Por ocasião de sua vinda, já Jesus pôde proclamar um Deus clemente, falando do seu reino, não deste mundo, e acrescentando: — Amai–vos uns aos outros e fazei bem aos que vos odeiam, ao passo que os antigos diziam: olho por olho, dente por dente.

Ora, quais eram os homens que viviam no tempo de Jesus?

Seriam almas novamente criadas e encarnadas? Mas se assim fosse, Deus teria criado para o tempo de Jesus almas mais adiantadas que para o tempo de Moisés? E daí o que teria decorrido para estas últimas? Consumir-se-iam por toda a eternidade no embrutecimento? O mais comezinho bom-senso repele essa suposição. Não; essas almas eram as mesmas que viviam sob o império das leis mosaicas e que tinham adquirido, em várias existências, o desenvolvimento suficiente à compreensão de uma doutrina mais elevada, assim como hoje mais adiantadas se encontram para receber um ensino ainda mais completo.

*** Curiosidades ***

-Vivemos em uma época que nos dá plena condição de refletir sobre nossos sentimentos e pensamentos. Emmanuel nos convida a entender essas reações automatizadas considerando qual a sua relação com nosso interior e até que ponto estamos condizentes com o Evangelho de Jesus. Certamente, há quem me faça sofrer! Mas, coitado dele! Como Chico Xavier dizia: melhor ser a vítima do que o agressor!

-Perdoar, do latim medieval perdonare. De acordo com o “Glossarium Mediae et Infimae Latinitatis”, de Du Cange, os primeiros significados de «perdonare» (mas não os únicos) seriam os de “dar”, “conceder”. Em outra visão: Donare = doar + per = inteiro (perfurar, percorrer, etc.). Eu defendo que, enquanto desculpar é uma postura racional (encontro razões para reduzir a culpa), perdoar é uma postura racional e emocional (encontro meios para desfazer o sentimento ruim que sinto sobre aquela pessoa e assunto).

-Amei a visão do texto original que nos convida a reconhecer nosso algoz como alguém dentro do Divino Amor! Nos falta muito esta misericórdia quando estamos em nosso momento de dor e sofrimento.

2 respostas para 21-Nosso Pai

  1. camelo disse:

    gostaria sempre está; bem esperitualmente falando para ter oito segundos antes de tomar qualquer decisão com as adversidades da vida…………….. há e todos nossos companheiros pois este mundo só é prova para alcançamos degrau……..

    • inacioqueiroz disse:

      Verdade, Camelo.
      Temos de provar, através de nosso autocontrole em situações difíceis, que estamos em condições de pisar no degrau seguinte.
      Porém, quando ainda não estamos, caímos na roda kármica e retornamos para expiar nossas falhas.

      Temos uma vida inteira para “treinar” ser uma pessoa boa, de bem, até que este treino entre em nosso condicionamento.
      E esse treino faz-se nas situações simples e fáceis do dia a dia.
      Um sorriso, alguém com bolsas pesadas, um copo que quebra, alguém com dor, um parente que errou, tudo é motivo para treino.

      Claro, não devemos NUNCA dispensar o compromisso com a caridade, com dia, hora e grupo definidos.

      Um dia, não precisaremos lembrar o que seria o correto a fazer.
      Faremos automaticamente, sem mesmo cogitar noutra postura.
      Mas precisaremos ainda de muito treino.

      Abração,
      Inacio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s