30-Isso Devo a Mim

* Referência: Capítulos do Livro Justiça Divina – Chico Xavier/Emmanuel (FEB).
Objetivo: estudo de questões do livro O Céu e o Inferno (CI) de Allan Kardec.
Roteiro: Meditação – Leitura da Questão – Curiosidades.
(Meditação sobre o capítulo 30-Diante da Lei)
Reunião pública de 15-5-61
CI – 1a Parte – Cap. III – Item 6.

30-ha-2000-anos1O que o Senador romano Públio Lêntulus, psicografado por Chico Xavier no livro “Há Dois Mil Anos” (1939) têm em comum com o jovem Gabriel Casemiro Espejo, psicografado por Chico Xavier no livro “Gabriel” (1982)?

 Num exame breve, o romance histórico sobre a vida do espírito Emmanuel, ocorrido na época de Jesus, parece nada ter em relação com as notícias do jovem filósofo Gabrielzinho, desencarnado em Campinas aos 26 anos por meningite e convidado pela espiritualidade superior para dar depoimento sobre sua sobrevivência pós-túmulo e sua nova realidade.

Mas eles têm muito em comum sim!
Ambos encontram-se em seus respectivos esforços de evolução, iniciados lá nos domínios inferiores da natureza e conquistando condição humana após vencer grandes obstáculos e provações.

30-GabrielDiz Emmanuel: “À vista disso, é natural compreendas que o livre arbítrio estabelece determinada posição para cada alma, porquanto cada pessoa deve a si mesma a situação em que se coloca.”.

E Emmanuel enumera situações que nos mostram como hoje é resultado de ontem, resultando, assim, que de hoje derivará o amanhã.

Se tenho hoje o que dei ontem, ganharei amanhã aquilo que hoje tenho dado.
Se conheço hoje o que estudei ontem, saberei amanhã o que hoje tenho estudado.
Se encontrei hoje o que busquei ontem, alcançarei amanhã o que hoje tenho desejado.

És hoje o que fizeste contigo ontem.
“Serás amanhã o que fazes contigo hoje.” – afirma Emmanuel.

30-Causa e efeito Quando olhamos um grande empresário, um culto professor, um médico de grande especialização, esquecemos que ele foi espírito simples e ignorante, assim como nós também já fomos um dia.

Foram as escolhas e os esforços que eles empregaram, dia após dia, ano após ano, que os colocaram onde hoje se encontram.

Todos temos, assim, na vontade a alavanca da vida, com infinitas possibilidades de mentalizar e realizar.” – observa Emmanuel.

 Justiça, sabedoria, trabalho e amor!
Os grandes pilares de nossa longa caminhada.

30-Jesus  semeador>> O primeiro governa o Universo, definindo a responsabilidade de cada um.
>> O segundo glorifica o Universo, sendo luz em cada consciência.
>> O terceiro sustenta o Universo, colocando cada ser inteligente no lugar que lhe compete.
>> O quarto torna feliz o Universo, quando se expressa no bem de toda criatura.

 Das mãos do Eterno vertem as oportunidades desejadas, as experiências dentro do espaço-tempo, que nos colocarão em sintonia com Suas leis de bondade e harmonia.

 “Eis porque, permanecer na sombra ou na luz, na dor ou na alegria, no mal ou no bem, é ação espiritual que depende de nós.”  (Emmanuel)

==&==

Leitura da Questão: O Céu e o Inferno (CI)
Primeira Parte – Doutrina
CAPÍTULO III – O Céu

Item 6. Os Espíritos são criados simples e ignorantes, mas dotados de aptidões para tudo conhecerem e para progredirem, em virtude do seu livre-arbítrio. Pelo progresso adquirem novos conhecimentos, novas faculdades, novas percepções e, conseguintemente, novos gozos desconhecidos dos Espíritos inferiores; eles vêem, ouvem, sentem e compreendem o que os Espíritos atrasados não podem ver, sentir, ouvir ou compreender.

A felicidade está na razão direta do progresso realizado, de sorte que, de dois Espíritos, um pode não ser tão feliz quanto outro, unicamente por não possuir o mesmo adiantamento intelectual e moral, sem que por isso precisem estar, cada qual, em lugar distinto. Ainda que juntos, pode um estar em trevas, enquanto que tudo resplandece para o outro, tal como um cego e um vidente que se dão as mãos: este percebe a luz da qual aquele não recebe a mínima impressão.

Sendo a felicidade dos Espíritos inerente às suas qualidades, haurem-na eles em toda parte em que se encontram, seja à superfície da Terra, no meio dos encarnados, ou no Espaço.

Uma comparação vulgar fará compreender melhor esta situação. Se se encontrarem em um concerto dois homens, um, bom músico, de ouvido educado, e outro, desconhecedor da música, de sentido auditivo pouco delicado, o primeiro experimentará sensação de felicidade, enquanto o segundo permanecerá insensível, porque um compreende e percebe o que nenhuma impressão produz no outro. Assim sucede quanto a todos os gozos dos Espíritos, que estão na razão da sua sensibilidade.

O mundo espiritual tem esplendores por toda parte, harmonias e sensações que os Espíritos inferiores, submetidos à influência da matéria, não entrevêem sequer, e que somente são acessíveis aos Espíritos purificados.

*** Curiosidades ***

-Não há muitas evidências históricas da existência do Senador Públius Lêntulus Cornélius, a encarnação de Emmanuel na época de Jesus. Ele seria bisneto de Públius Cornelius Lêntulus Sura, uma das principais figura da Conspiração de CatilinaÉ corrente entre os espíritas haver uma carta redigida pelo Senador Lêntulus, descrevendo Jesus para o Senado Romano.  A Enciclopédia Católica considera a carta uma ficção. Conheça mais em http://www.saindodamatrix.com.br/archives/2005/05/publius_lentulu.html

-Gabriel Casemiro Espejo, o Gabrielzinho, desencarnou em Campinas, estado de S.Paulo, em 27/6/1974, vitimado por meningite meningocócica. Na introdução do livro “Gabriel”, psicografia de Chico Xavier, Emmanuel explica que eram muitos os pedidos que recebia para organizar uma obra onde um jovem descrevesse suas impressões da morte e do além túmulo. Mas desejavam ainda: que a família o reconhecesse; que tivesse deixado amigos; que ninguém, família ou amigos,  tivesse dúvida de sua identidade ou da autoria das mensagens; que esse jovem tivesse evoluído com sua passagem pela Terra; que dissesse algo sobre o bem dos conhecimentos superiores adquiridos. Emmanuel percebeu no jovem Gabrielzinho, espírito amadurecido na Filosofia em geral em múltiplas encarnações e também na Filosofia espírita, a melhor escolha.  Confira em http://robertomacedo.com/autoajuda/chicoxavier/Chico_Xavier/GABRIEL/GAB_02.htm

-Somos todos herdeiros de nós mesmos, sempre, nas coisas boas e nas coisas ruins. Culpar a vida ou o destino pelas coisas que ocorrem é a forma que a ignorância encontra para se eximir da própria responsabilidade em cada situação.

4 respostas para 30-Isso Devo a Mim

  1. geisiane disse:

    olá bom dia, somos uma comunidade catolica semente de vida em vitória pernambuco e gostaria muito dessa imagem de Jesus semeando, vcs poderiam enviar para mim, pois essa da internet está com baica resolução.

    • inacioqueiroz disse:

      Oi Geisiane,

      Obrigado pelo contato.
      Eu lamento, mas essa imagem eu tbem coletei na web, nessa mesma resolução.
      Não é da minha propriedade e sempre me preocupo se estarei ferindo o direito autoral de alguém.
      Caso venha a conhecer o autor, por favor, me informe, para que eu possa comunicá-lo do uso.
      Minha gratidão,
      Inacio

  2. dalvaxavier@livecom disse:

    Agradeço as explicações, no qual contribuem para o meu aprendizado e evolução espiritual.

    • inacioqueiroz disse:

      Obrigado, Dalva.
      Nossa gratidão permanente aos Mestres Emmanuel e Chico Xavier, verdadeiras fontes dessas idéias.
      Lembre que a maior caridade que podemos fazer pela Doutrina Espírita é divulgá-la.
      Abração,
      Inacio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s