03-Pão e Palavra

(Meditação sobre “O Evangelho por Emmanuel – Volume 1”)
Comentários ao Evangelho segundo Mateus

[…] Não somente de pão viverá o homem, mas
de toda palavra que sai da boca de Deus.”
Mateus 4:4

Meditação sobre: Não somente (FEB Editora)

Roupa para o corpo … e conhecimento superior para a alma também!

Traços físicos bonitos … e beleza de sentimentos também!

Corpo malhado … e maneiras educadas!

Defeito físico a corrigir por bisturi … e defeito íntimo a corrigir por esforço pessoal!

Casas confortáveis … e princípios espirituais edificados na utilidade, estima e respeito!

Títulos de grande honraria … e virtudes comprovadamente honrosas!

Olhos sadios … e entendimento também sadio, clareado pela luz divina!

Aspecto agradável … e presença útil e ativa!

Flores … e frutos também!

Ensinar sempre … exemplificar bem mais!

Teorias notáveis … e práticas repletas de bençãos!

Nós, sim … os outros, igualmente!

Disse-nos Jesus:Nem só de pão vive o homem“.
Devemos aplicar este sublime conceito a todo instante, em nossa jornada.

Diz Emmanuel:Bom gosto, harmonia e dignidade na vida exterior constituem dever, mas não esqueçamos da pureza, da elevação e dos recursos sublimes da vida interior, com que nos dirigimos para a Eternidade.

 

Meditação sobre a “O Evangelho por Emmanuel”
Texto referenciado:
Não somente (Fonte Viva. FEB Editora cap.18)

–o0o–

** Notas do autor do Blog **

** Curiosamente, o estudo do Evangelho no Lar de hoje nos convidou justamente a não mergulhar nos afazeres cotidianos esquecendo das necessidades do espírito eterno. Precisamos periodicamente nos questionar: Qual nossa pretensão para essa encarnação? Quais as aquisições eternas que pretendemos em cada atividade? Se mal planejamos nossa vida física, nosso ano, nosso mês, nossa semana, acho que bem poucos de nós nos planejamos minimamente para a caminhada eterna. Precisamos corrigir isso!

** Enquanto muitas religiões negam a vida material, a visão espírita percebe que uma complementa a outra, apesar da vida material ser transitória. Enquanto estivermos aqui, com contas para pagar, família para cuidar, atividades sociais para cumprir, façamos tudo da melhor forma possível. Esses afazeres nos permitem treinar as virtudes superiores que ainda não dispomos. “Porque fostes responsável no pouco, coisas maiores lhe serão confiadas!“, repete o Rei na Parábola dos Talentos.

** Tive muita dificuldade na reconstrução das ideias dessas meditação. Espero, ao menos, que tenha ficado razoável. Foi feito de coração. Mas pude perceber muito intensamente o quanto que, ao tentar reescrever as frases, acabei fazendo um mergulho mais profundo no entendimento da frase. Tive vários amigos de escola que só estudavam bem em casa se passassem a limpo a matéria aprendida. Será que era essa a experiência que eles vivenciavam e que só hoje eu compreendi??

Anúncios